Truz, truz, truz, quem é que vem aí?

É o grupo do FIDES que chegou agora aqui…

Esta adaptação de letra de Mário Oliveira, de 1998, cantada pelos elementos do Coral FIDES, juntamente com alguns alunos e pais da nossa Academia de Música e Artes, e melodiosamente acompanhada por cavaquinhos, guitarras, acordeão, bombo, ferrinhos e guizos, ecoaram por algumas ruas da nossa cidade, mantendo viva a tradição de cantar as Janeiras, anunciando a chegada do Ano Novo.

Uma tradição que já não o era no FIDES desde 1994, altura em que o grupo, liderado pelo então maestro Victor Bertochinni, decidiu cantar as Janeiras em variados locais da vila, nomeadamente em frente à Junta de Freguesia e nas escadas do edifício Mafavis (onde era, então, a sede da associação).

E porque quem canta seus males espanta, nem o frio, nem alguma falta de hábito dos valboenses em ouvir estes cantares pela rua, demoveu o grupo coral de voltar a ensaiar algumas melodias alusivas à quadra por algumas ruas da cidade.

Para o ano há mais…